Select Page

Radar Metereológico para Campinas: Campos Filho Apela para Governador

Radar Metereológico para Campinas: Campos Filho Apela para Governador

Moção nº 95/2016 foi aprovada por unanimidade na Reunião Ordinária de 13/06/2016, reiterando Apelo da Moção 237/2007

raios

Campinas não pode mais ficar a mercê de acidentes climáticos como o que ocorreu no último dia 04 de junho de 2016, que devastou um corredor considerável dos bairros Taquaral, São Quirino, Sousas, e arredores, destelhando casas inteiras, arrancando árvores, destruindo veículos, muros, deixando um rastro de destruição.

A análise dos especialistas está dividida entre Tornado e Microexplosão, a partir do tipo de rastro deixado na natureza: contorção dos resíduos, veículos, caminhões, etc.

Há vários anos, Paulínia, Santa Bárbara D´Oeste, Sumaré, também já foram vitimadas pelos efeitos do clima, em grandes proporções. No dia 05 de junho, um dia após o ocorrido em Campinas, foi a vez do Município de Capivari.

A chegada do outono surpreendeu a todos, não só com o inverno rigoroso para um país de clima tropical, mas pelo volume de chuvas que tem nos acompanhado.

Com esses fatos todos, foi necessário retormar pedido, ou melhor, Apelo feito por Campos Filho, mediante Moção de 2007, de nº 237, agora numerada em 95/2016, para relembrar ao Governo do Estado de São Paulo que Campinas e a Região Metropolitana reclamam atenção especial, com a instalação de um Radar Metereológico capaz de avisar a população com antecedencia mínima que assegure possibilidade de deslocamento para locais seguros, para vedação de suas casas, guarda de seus bens, evitando maiores prejuízos e a preservação da vida e da saúde.

Não fosse o horário da última tempestade, por volta da meia-noite e trinta minutos do dia 05 de junho, e ainda a proteção que, ao final, as árvores exerceram na região afetada, os especialistas acreditam que muitas vidas poderiam ter se perdido.

Diferencial de Campinas

Campinas é dotada do Aeroporto Internacional de Viracopos que além de ser o maior de transportes de Cargas está em plena expansão para o transporte de passageiros. Acolhe ainda o CEPAGRI da Unicamp que monitora o clima para a área de Agricultura, dentre outros. Temos o CIMCAMP monitorando o trânsito de toda a cidade, além de haver no entorno, o Aero Clube dos Amarais, que também está recebendo investimentos para aumentar a movimentação de aviões de pequeno porte, o Aeroporto de Jundiaí, também de pequeno porte.

 Além disso, como podem ver na fundamentação da Moção nº 95/2016, Campinas foi alvo de cerca de 636 Raios num período curto, de 10 dias, no início deste ano.

Com todas essas características, Campinas pode contribuir para,  em conjunto com equipamentos da região, aumentar a abrangência do monitoramento climático, minimizando os danos que os eventos da natureza possam causar a sociedade Campineira e à da Região Metropolitana.

A Moção nº 95/2016 agora seguirá para conhecimento do Excelentíssimo Governador de nosso Estado de São Paulo, para encaminhar aos setores competentes para, no mínimo, fazer um estudo de viabilidade, quando estaremos acompanhando o desenvolvimento. Estamos de Olho!

About The Author

Videos Recentes

Loading...
Plugin dos mesmos criadores deBrindes Personalizados :: More at PlulzWordpress Plugins